Moda sustentável: não é só estética!

A crise econômica vivida pelo país no últimos anos, trouxe insegurança para muitos setores, inclusive o da indústria têxtil, no qual o valor de compra da matéria prima tem sofrido reajustes significativos. Além disso, ao considerar possíveis cortes de gastos, o do setor da moda é um dos primeiros a serem eliminados.

Na contra-mão desse cenário, o varejo de moda tem se mostrado forte e resistente. Em relação ao mesmo período do ano passado, o setor cresceu 1.6%, de acordo com a Associação Comercial de São Paulo (ACSP)

O segmento que mais tem apresentado crescimento na produção, é o de moda sustentável e consciente. Os consumidores estão procurando por marcas que contenham selo verde e responsabilidade social e ambiental.
Nessa linha de raciocínio, pesquisas apontam que as pessoas estão preocupadas com a origem do material, quem as produz e o que a empresa faz para minimizar os impactos gerados pela produção das peças.

Como a sustentabilidade impacta seu negócio?

O Selo ABVTEX é designado à empresas que participaram do Programa ABVTEX, responsável pela união de empresas varejistas que atuam em prol do desenvolvimento sustentável da cadeia de valor junto à cadeia de fornecimento. Esse selo tem como resultado a visibilidade de forma diferenciada pelos clientes, o que abre portas para novos potenciais consumidores e parcerias.

Tendência que veio para ficar

Essa tendência de ser mais exigente com o que se veste e o que se usa está só aumentando e não tem previsão de “sair de moda”.
Os consumidores tem procurado consumir produtos que os represente, seja por estilo, por consciência, por valor, ou outros.
É possível ver essa mudanças também no setor de cosméticos, cujo procura por produtos naturais e limpos de resíduos, aumentou 2,77% em relação à 2017.

Outra tendência de consumo que veio para fazer história é a redução do uso de plástico. Grandes empresas alteraram suas embalagens, trocando o plástico por papel e outros materiais que não poluam o meio ambiente ou que possam ser reutilizáveis.

O MEIO AMBIENTE AGRADECE!

Empresas sustentáveis em 2019

De acordo com ranking realizado em 2019 pela Forbes, de 100 companhias mundiais, 4 brasileiras se destacaram pela sustentabilidade, sendo elas:

-Banco do Brasil, em 8 lugar (contra o 49º em 2018);
– Natura, em 15º lugar;
– CEMIG, em 19º lugar;
– ENGIE Brasil Energia, em 76º lugar.



É notável que o comércio de produtos e serviços sustentáveis, não só no setor da moda, é uma tendência no Brasil e no resto do mundo. Já parou pra pensar no que você e sua empresa tem feito pelo meio ambiente nos últimos anos?
Comenta aqui embaixo, estamos curiosos para saber!


Foto do perfil do autor ou atora

Ecóloga, estudante de Publicidade e Propaganda. Na TagPlus, é Auxiliar Analista de Marketing e Publicidade, com ênfase em redação.

Deixe o seu Comentário

Categorias