Sistema de Cupom Fiscal Eletrônico (CF-e) – Conheça!

render03

postado por: , em 18/01/2016

Já se falou muito sobre o Cupom Fiscal Eletrônico, não é?

Todos os empresários de São Paulo já estão se adequando, pois a obrigatoriedade tem prazos definidos que começam a vencer agora, em 2016.

Mas como funciona um Sistema Emissor de Cupom Fiscal Eletrônico? O que você precisa para começar a emitir cupons fiscais eletrônicos?

O SAT CF-e:

O SAT CF-e na verdade é o aparelho que deve ser ligado ao computador para emissão de CF-e’s. Ele, juntamente com uma mini-impressora não-fiscal, substituem o ECF (Emissor de Cupom FIscal) em papel.

O SAT fica responsável por receber as informações da venda que são enviadas pelo computador, armazená-las, transmití-las para a Secretaria da Fazenda, e retornar o status dessa venda para o computador.

Já a impressora não-fiscal é responsável pela impressão do CF-e, que deve ser entregue ao cliente.

Sistema Integrado para Emissão de CF-e:

No tópico anterior, falamos que o “computador” envia as informações para o SAT. Mas onde ficam essas informações? Onde elas são inseridas?

Todo SAT precisa de um Sistema de Automação Comercial preparado e integrado à ele para que a venda seja realizada e consequentemente enviada ao SAT.

Normalmente este sistema se trata de um PDV (Ponto de Venda) com funções como: realizar venda, cadastrar cliente, sangria, suprimento e fechamento de caixa.

O sistema TagPlus, além de toda a gestão da sua empresa, já está pronto para emitir Cupom Fiscal Eletrônico! Teste grátis por 15 dias no link: Emita CF-e pelo TagPlus!

Venda SAT Sistema de Cupom Fiscal Eletrônico (CF e)   Conheça!

Sistema de Gestão e o CF-e:

Não adianta só emitir CF-e, se não há um controle deles. Relatórios de vendas, itens vendidos e até mesmo a movimentação financeira gerada são muito importantes para a gestão do seu negócio.

Além disso, com um controle de estoque automatizado, você evita problemas com seus fornecedores e clientes.

Passo a passo para emissão de CF-e:

  • Adquirir um equipamento SAT CF-e (aconselhamos a DIMEP) a uma impressora não-fiscal (aconselhamos a DARUMA).
  • Adquirir um sistema para comunicação com o SAT (aconselhamos o TagPlus)
  • Se cadastrar, acompanhado de seu contador, para emissão de CF-e na Sefaz SP.

E ai? Já está pronto para emitir CF-e ou ainda tem dúvidas? Comente aqui no Blog.