NFC-e – Novas regras de validação

novas regras de validação NFCe

postado por: , em 15/03/2016

A Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica agregou diversos avanços ao seu sistema que antes poderia ser chamado de precário.

Mas isso todo mundo já sabe. A novidade agora é a implementação do uso do campo QRCode. Fique por dentro de tudo lendo nosso post!

As fases do projeto da NFC-e

A Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica surgiu como uma possibilidade padrão que organizava as diversas opções de documentos fiscais vigente na legislação da época.

Inicialmente, o que se almejava, era considerado como uma utopia. Desde 2011 eram realizadas reuniões com a SEFAZ com objetivo de dar abertura ao programa. Em 2012 é realizada uma proposta para ampliação do projeto, que teve início com a formação do “grupo piloto”, que basicamente testava o sistema, a relação do fisco e a aderência dos contribuintes do projeto.

O grupo era formado por 32 empresas e existe até os dias de hoje.

Em novembro de 2013 o sistema foi oficialmente lançado e desde então podemos perceber os resultados positivos da sua implantação. O que era um projeto passou a ser considerado como um instituto promissor.

Pioneiros, os estados do Amazonas e Mato Grosso foram os primeiros a lançar seus calendários de obrigatoriedade. Seguidos por outros estados, a ascensão foi certa (Postamos em nosso blog um resumo detalhado com o intuito de ajudar o leitor a acompanhar os prazos a serem cumpridos clique aqui e veja). Com menos de um ano mais de 2.3 milhões de notas foram emitidas entre: Amazonas, Mato Grosso, Sergipe, Rio Grande do Norte, Acre e Rio Grande do Sul. Este é um resultado extremamente positivo, já que a Nota Fiscal Eletrônica, que foi considerada um sucesso, demorou 2 anos para ter um milhão de notas expedidas.

Novas Etapas

Agora o projeto passará por um processo de melhoras em suas regras de validação, isso porque alguns problemas estavam negativando todo o sistema.

A nova fase conta com a aplicação das regras de validação sobre o campo do QRCode, que possui um grande papel na integridade nesse documento eletrônico.

Dessa forma, é preciso estar atento às novas regras e aos novos padrões adotados, com efeito da melhora de todo o projeto por passar mais confiança e credibilidade. Assim, recomendamos acesso ao portal da SEFAZ de seu estado para uma leitura mais detalhada sobre o tema.


Qual sua opinião em relação a todas essas mudanças? Comente a seguir:

Passe a trabalhar com a NFC-e de forma fácil e integrada com um sistema competente para organizar sua empresa. O sistema TagPlus ajuda no gerenciamento e adequa o estabelecimento à legislação. Clique aqui e experimente grátis por 15 dias.