(MEI)Mais de 10 mil empresas aderiram ao parcelamento de dívidas

postado por: , em 19/07/2017

Programa de Parcelamento

Desde o início do mês, 10,5 mil microempreendedores individuais (MEI) aderiram ao programa de parcelamento lançado pela Receita Federal. A possibilidade oferece condições especiais para quem possui débitos tributários até maio do ano passado e, até o momento, foram renegociados cerca de R$ 8 milhões. O Sebrae destaca que, após pagar a primeira parcela, o empreendedor volta a ter cobertura do INSS e acesso aos benefícios como como aposentadoria, auxílio-doença ou licença-maternidade, além de poder participar de licitações com os governos federal, estaduais e municipais.

Quem tiver guias em aberto e quiser aproveitar o prazo especial de até 120 meses precisa optar pelo parcelamento até o dia 2 de outubro. É necessário dividir em, no mínimo, duas prestações, que devem ter valor de pelo menos R$ 50.

Como Aderir

A adesão é realizada por meio do Portal do Empreendedor. Para pedir o parcelamento, o MEI deve ter feito a Declaração Anual Simplificada para o Microempreendedor Individual (DASN-Simei). Caso ainda não tenha enviado a declaração, é possível regularizá-la também no mesmo site.

De acordo com o Sebrae, o aplicativo calcula a quantidade de parcelas de forma automática, considerando o maior número possível, respeitado o valor mínimo.

Fonte: extra.globo.com


 

Gostou dessa notícia? Comente a seguir!

Para mais informações sobre gestão financeira, conte com o TagPlus. O melhor software para o gerenciamento de sua empresa. Clique aqui e experimente o sistema – grátis por 15 dias.