Ferramentas de controle financeiro

ferramentas para um correto controle financeiro

postado por: , em 16/08/2016

Na hora de realizar o controle financeiro da sua empresa, algumas ferramentas são indispensáveis para o planejamento dos negócios e para a correta estruturação financeira da empresa. Vamos conhecê-las?

Ações para um correto controle financeiro

Usar as ferramentas corretas para controlar a parte financeira da empresa proporciona o levantamento de recursos financeiros necessários às operações, permite a melhor utilização dos recursos disponíveis com previsão da melhor época, escolha e segurança das aplicações, mantém a empresa em dia com as suas obrigações, permite melhor análise das fontes de crédito que proporcionam empréstimos menos onerosos, em caso de a empresa necessitar de recursos e mantém a empresa em permanente situação de solvência, entre outros.

Vamos conhecer algumas ferramentas que compõe o bom controle.

Ferramentas necessárias para o seu controle financeiro

Controle de caixa

Muito importante, o controle de caixa registra conhecer a origem e o destino de todo o dinheiro movimentado pela empresa diariamente.

Controle de bancos

O Controle de bancos é o que vai registrar as entradas e saídas de valores na conta bancária da empresa.

Controle de contas a receber

Possibilita o conhecimento dos seguintes pontos:

  • Montante dos valores a receber;
  • Contas vencidas e a vencer;
  • Clientes com atrasos nos pagamentos;
  • Como programar suas cobranças.

Controle de contas a pagar

É através desse controle que o empresário vai saber sobre os vencimentos dos compromissos, prioridades de pagamentos e montantes a serem pagos.

Fluxo de caixa

Projeção das entradas e saídas de recursos financeiros para determinado período, visando prever a necessidade de captar empréstimos ou aplicar excedentes de caixa nas operações mais rentáveis.

Os custos de uma empresa

Toda empresa tem os chamados custos fixos e custos variáveis. A análise desses custos também é necessária para que se tenha uma apuração correta da lucratividade e um gerenciamento financeiro mais eficiente.

Custos do produto

Os custos referem-se aos gastos efetuados com materiais e insumos (na produção do bem, no caso da indústria), aquisição do produto (no caso do comércio) ou realização dos serviços.

Despesas variáveis

São aquelas que variam proporcionalmente ao volume produzido ou ao volume vendido, ou seja, só haverá despesa, se houver venda ou unidades produzidas. Exemplo: comissões sobre vendas, impostos.

Despesas fixas

São aquelas cujo total não varia proporcionalmente ao volume produzido (na indústria) ou ao volume de vendas (comércio e serviço), ou seja, há despesas a serem pagas independentemente da quantidade produzida ou do valor de vendas. Exemplo: aluguel, honorários de contador, seguro da empresa, salário dos funcionários, entre outros.

E lembre-se: Para ficar em dia com as suas obrigações e gerir sua empresa sem complicações, utilizar um sistema de gestão é imprescindível. Clique aqui para experimentar por 15 dias gratuitamente o sistema de gestão da Tagplus!

Quer Saber mais?

Então fique de olho no nosso blog, para dicas como essas e muito mais! E se ficar alguma dúvida, é só utilizar nossa seção de comentários!