Emissões de notas fiscais eletrônicas crescem 5,74% em junho

postado por: , em 27/07/2017

Expansão no segmento de atacadistas/distribuidores

A Nota Fiscal Eletrônica (NF-e), um dos indicadores que aponta aquecimento da atividade econômica, registrou expansão de 5,74% em junho pelos segmentos de estabelecimentos emitidos por atacadistas/distribuidores e as indústrias na Paraíba. No último mês, segundo dados do Núcleo de Análise e Planejamento de Documentos Fiscais da Receita Estadual, a quantidade de NF-e atingiu 1,864 milhão, em junho de 2017, contra 1,763 milhão em junho de 2016.

No acumulado do primeiro semestre, os números de emissões também encerraram de forma positiva. De janeiro a junho, o volume de emissões de indústrias e distribuidoras atingiu 10,944 milhões, alta de 5,67% sobre o primeiro semestre do ano passado. A média mensal nos primeiros meses deste ano de NF-e ficou em 1,824 milhão acima do mesmo período de 2016 (1,724 milhão), indicando uma tendência de retomada de crescimento com impacto também na arrecadação do ICMS.

Picos de emissões

O balanço de emissões nos seis primeiros meses registrou picos nos meses de março (1,985 milhão) e de maio (1,954 milhão) de emissões de NF-e pelos estabelecimentos. Dezembro de 2016 continua sendo a maior emissão da série histórica de dezembro de NF-e.
Na Paraíba, entre indústrias e atacadistas, mais de 13,3 mil empresas estão credenciadas pela Secretaria de Estado da Receita para emissão de NF-e.

Fonte: Secom


Gostou dessa notícia? Comente a seguir!

Para mais informações sobre gestão financeira, conte com o TagPlus. O melhor software para o gerenciamento de sua empresa. Clique aqui e experimente o sistema – grátis por 15 dias.